search
top

Alguns gregos desejam ver a Jesus (JO 12,24-26)

Instruções para a oração:
  - Procure fazer silêncio interior e exterior e leia calmamente a passagem (mais de uma vez se for preciso).
  - Pergunte ao Senhor, o que Ele quer lhe dizer através deste texto.
  - Tente perceber qual é o trecho que chama mais sua atenção, que lhe toca mais e detenha-se nele para descobrir o chamado que Deus lhe faz.
  - As perguntas são para colaborar para que a oração seja diálogo com Jesus. Use-as, se achar que podem realmente lhe ajudar.
  - Agradeça a Deus por tudo o que tem lhe dado e peça forças para ser fiel ao que hoje Ele lhe falou ao coração.

Em verdade, em verdade vos digo: se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica só; mas, se morrer, dá muito fruto. Quem ama a sua vida perdê-la-á; mas quem aborrece a sua vida neste mundo conservá-la-á para a vida eterna. Se alguém me servir, siga-me, e, onde eu estou, estará aquele que me serve; se alguém me servir, o Pai o honrará.

Resultado de imagem para se o grão de trigo não morrer fica sozinho

Jesus respondendo aos gregos que queriam vê-lo ele fala da forma como seria glorificado o filho do Homem.

O convite da oração de hoje é avaliar a quê ou a quem entregamos a nossa vida…  Os gregos buscavam ver Jesus, mas buscava um messias politico, todo poderoso que lhes trouxesse o que pra eles era o mais importante, poder, benefícios imediatos, buscavam facilidade, viviam iludidos…

Jesus, porém apresenta uma proposta diferente de entrega da vida não para obter benefícios, mas para beneficiar a outros.           E ele se compara com um grão de trigo que cai na terra, Para falar da sua entrega radical, da fecundidade da sua vida… Para nos mostrar que viver não é brincadeira não, “Quem ama a sua vida perdê-la-á; mas quem aborrece a sua vida neste mundo conservá-la-á para a vida eterna”.

Ou seja, viver para si mesmo é ter uma vida medíocre limitada não gera vida nem pra si próprio e muito menos para os outros, para que haja vida é preciso que haja entrega e entrega sem limites…   A vida que supera a morte é uma vida toda entregue! “Se alguém me servir, siga-me, e, onde eu estou, estará aquele que me serve; se alguém me servir, o Pai o honrará”. Ele não quer que agente morra pelas causas do Reino, muito antes pelo contrário ele quer que agente viva pelas causas do Reino!

De fato não precisamos pensar muito para chegar à conclusão que a vida que se entrega gera vida; se estamos aqui é porque alguém se entregou por mim e por você… Tem alguma dúvida disso? Podemos nos perguntar nesse momento, e eu a que me entrego?

 Entregamos o que temos de mais precioso, a nossa vida, a coisas que sinceramente não sei se vale a pena, precisamos melhorar aperfeiçoar os nossos filtros para que possamos ver o que precisa morrer em nós para dar lugar a algo novo…

Que Maria nossa mãe nos auxilie e nos ajude a transformar a nossa vida num processo continuo de saída de nós mesmos. Amém!

Agostinho Augusto – Família Missionária Verbum Dei – Belo Horizonte MG.

3 Responses to “Alguns gregos desejam ver a Jesus (JO 12,24-26)”

  1. Denise Silva disse:

    Maravilhoso . Que o senhor nos auxilie pela intercessão da Virgem Maria e São Thomas de Aquino.
    Amem.

  2. Marcia Paulista disse:

    Nesse contexto de ser grão de trigo, eu gostaria de juntos, clamarmos ao nosso Deus é Senhor Jesus Cristo, que alcance Poderosamente o coração de todos os políticos que estão no poder, e foram constituídos para “gerar vida” ao povo brasileiro neste tempo que o Senhor lhes concedeu.

  3. Ana Carolina disse:

    Leio todos os dias a leitura orante e estou impressionada como tem me tranformado… Gostaria que todas as pessoas pudessem ler essaa leituras… Deus abençõe todos vocês… E orem por mi… Que a paz de nosso Semhor Jesus Cristo estejam em vossos corações…

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

top