search
top

Se tiverdes fé nada vos será impossível. Mt 17, 14 – 20

Instruções para a oração:
  - Procure fazer silêncio interior e exterior e leia calmamente a passagem (mais de uma vez se for preciso).
  - Pergunte ao Senhor, o que Ele quer lhe dizer através deste texto.
  - Tente perceber qual é o trecho que chama mais sua atenção, que lhe toca mais e detenha-se nele para descobrir o chamado que Deus lhe faz.
  - As perguntas são para colaborar para que a oração seja diálogo com Jesus. Use-as, se achar que podem realmente lhe ajudar.
  - Agradeça a Deus por tudo o que tem lhe dado e peça forças para ser fiel ao que hoje Ele lhe falou ao coração.

Mt 17, 14 – 20

Quando eles chegaram perto da multidão, um homem foi até perto de Jesus, ajoelhou-se diante dele e disse:

_ Senhor, tenha pena do meu filho! Ele é epilético e tem ataques tão fortes, que muitas vezes cai no fogo ou na água. Eu o trouxe para os seus discípulos a fim de que eles o curassem, mas eles não conseguiram.

Jesus respondeu:

- Gente má e sem fé! Até quando ficarei com vocês? Até quando terei que aguentá-los? Tragam o menino até aqui!

Então deu uma ordem, o demônio saiu, e no mesmo instante o menino ficou curado.

Depois os discípulos chegaram perto de Jesus, em particular, e perguntaram:

_ Por que foi que não pudemos expulsar aquele demônio?

Jesus respondeu:

_ Foi porque vocês não tem bastante fé. Eu afirmo a vocês que isto é verdade: se vocês tivessem fé, mesmo que fosse do tamanho de uma semente de mostarda, poderiam dizer a este monte: “Saia daqui e vá para lá”, e ele iria. E vocês teriam poder para fazer qualquer coisa!

 

Oração: Querido Deus, acolha nossas limitações e ajude-nos na caminhada de conversão.

A leitura de hoje chama-nos a atenção para três pontos importantes na caminhada cristã. Primeiro mostra a misericórdia e presteza de Jesus em atender o pedido do homem que tinha o filho epilético. Jesus se compadece da dor daquele pai e, imediatamente, pede para trazer o menino e o cura!  Em seguida, o texto nos mostra as limitações dos discípulos de Jesus. Aqueles que Ele mesmo escolheu foram incapazes de expulsar o demônio que havia tomado conta da criança. E um terceiro ponto: a afirmação de Jesus: “… vocês não tem bastante fé!”

Meus irmãos, na leitura de hoje, Deus nos fala com propriedade. Todos necessitamos da misericórdia divina, somos limitados e temos pouca fé.

Jesus não mede palavras para chamar a atenção dos discípulos e com firmeza, diz: “_ Gente má e sem fé! Até quando ficarei com vocês? Até quando terei que aguentá-los?” Em sua correção fraterna, Jesus procura evidenciar que é necessário progredir na fé cristã. Muitas vezes nos acomodamos porque já participamos de alguma atividade ligada à Igreja, ajudamos alguma instituição ou dedicamo-nos ao serviço voluntário. Entramos numa zona de conforto e nos limitamos a atuar nessas atividades sem nos envolvermos com pessoas ou situações até mais próximas de nós. E, quando nos deparamos com os “demônios” (situações ou pessoas que geram desamor) no ambiente do trabalho, da família, da vizinhança; não sabemos como lidar. Não temos coragem e, quase sempre nos calamos. Somos omissos e até submissos. Sentimos medo porque nos falta a fé!

“ ….. Eu afirmo a vocês que isto é verdade: se vocês tivessem fé, mesmo que fosse do tamanho de uma semente de mostarda, poderiam dizer a este monte: “Saia daqui e vá para lá”, e ele iria. E vocês teriam poder para fazer qualquer coisa!”

E por que nos falta a fé?

Os discípulos ficaram intrigados por não terem conseguido expulsar o demônio do menino e, depois, em particular, foram conversar com Jesus.

Que possamos reservar um tempo mais prolongado para dialogar com Jesus, em particular. Tentar identificar situações que me paralisam. Perguntar: por que me falta fé?

Se estendermos a nossa leitura até o versículo 21, verificamos que Jesus afirma: “Mas esse tipo de demônio só pode ser expulso com oração e jejum. ”  Essa é uma dica preciosa que pode nos ajudar no processo de conversão.

Peçamos a Deus, com confiança, que ajude-nos a sermos fiéis, assumindo uma atitude cristã e concreta. Zelar pela oração diária e o jejum a fim de que possamos dar passos firmes, posicionando-nos e defendendo o amor, a fraternidade em todos os lugares onde estejamos. Amém!

Norma Parreiras da Silva – Família Missionária Católica Verbum Dei – BH

 

 

2 Responses to “Se tiverdes fé nada vos será impossível. Mt 17, 14 – 20”

  1. Marly disse:

    Esses comentários nos ajuda crescer na nossa jornada diária.. seja abençoada sua mente e guiada pelo Espírito santo, e permaneça firme nessa missão.

  2. Eunice disse:

    Orem por mim para que eu possa aprender a ter realmente um silêncio interor

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

top